20.2.10

cuidar de si


O Futuro no espelho disse-me:

Pensa que é dona de mim? é não! antiético viver assim tão à volonté. Sem prestar atenção em mim. Como pode saber o que vou querer em trinta anos? Como pode responder por mim? e comer essas coisas e não se exercitar? Como pode negar umas coisas e concordar com outras? avesso entre o que você pensa que soma e que subtrai é o que nos compromete.

A vida deveria ser como a do senhor Button e começar com vantagem larga da sabedoria. É injusto, agora que sei viver, não ter tempo para ser amante do J. marido de F. Ou aquela viagem a Cuba. Como você pode nos negar aquele bolo de nozes no natal de 2007 em nome de nem-sei-o-quê? sinto vontade dele até hoje.

Não deixe de pensar em mim.

(in)sustentável o silêncio com que o tempo nos mastiga.


Um comentário:

  1. eu concordo com a teoria delíciosa do sr. button, porém, não acha que esse negózidi espelho, destino, idade e blá blá blá é superestimado? como pentear cabelos, lavar toalhas e ter companhia.
    deixa disso chuchu, você tem colhões, não precisa que um espelho te diga o que está acontecendo.
    só precisa acontecer sem se preocupar em estar acontecendo.

    não que precise de minha mera opinião.

    aquele abracinho, broto.

    ResponderExcluir

Seguidores

visitas não brocham

Arquivo do blog

DEDOS NÃO BROCHAM

A. SAFRA

Minha foto
São Paulo, SP, Brazil
Tá dito no não dito. Contatos: e-mail: dedosnaobrocham @gmail.com twitter: @dedosnaobrocham facebook: Ale Safra

whos.amung.us