17.4.11

Eu e meu amigo Will na Virada Cultural


Duas coisas: O centro de São Paulo fede e não sou tão democrático como pensava.
Will, você adorou a conversa dos mendigos sobre a divisão da pinga.
Não amada, fiquei estarrecido com a lógica do vício.
Mas você apreciou tanto a Orquestra de Câmara da USP, Orquestra Experimental de repertórios e Sepultura, Renato Teixeira, Blitz, OSESP e Lago dos Cisnes.
Seria bem melhor não tivesse um gritando "trei-real ó a gelada" no meio da música.
Ainda bem que o convite foi seu.
Só quis arrancá-la desse seu mal de amor, guria. A responsabilidade do passeio ainda é sua.
Não curou esse mal estar. Mas o cansaço será bom pra dormir logo. Agora desliga o telefone. Não suporto mais ouvir suas reclamações de menino limpinho.

 tum. tum. tum. tum. tum.

5 comentários:

  1. tambem achei o ruido humano insuportavel!!!

    ResponderExcluir
  2. Adorei todos esse cortes... e o nome do blog... acho que é isso!

    ResponderExcluir
  3. virada cultural:
    paulistanos reclamam
    de cultura cheia

    ResponderExcluir
  4. "Mal(com maiúscula mesmo) de amor", é uma tapa de pelica no peito que faz cocegas e de tanto rirmos acabamos por acordar numa mesa de uma sala escura cheia de sobras... =/

    ResponderExcluir

Seguidores

visitas não brocham

Arquivo do blog

DEDOS NÃO BROCHAM

A. SAFRA

Minha foto
São Paulo, SP, Brazil
Tá dito no não dito. Contatos: e-mail: dedosnaobrocham @gmail.com twitter: @dedosnaobrocham facebook: Ale Safra

whos.amung.us