27.11.12

corpo deleite


acordei com barulho de vidro quebrado e um grito.
sim, uma mulher dorme aqui, lembrei no caminho até cozinha. sim, ela não está na cama ao meu lado. ela está na cozinha quebrando copo para despertar vizinhos velhos cheios de santidade. caralho, que essa louca fez? pensei. então a vi seminua, porta da geladeira aberta, um copo quebrado e iogurte pelo chão.
"não consigo dormir. fico pensando na mentira que contei em casa, no meu filho" - revelou aos prantos.
peguei sua mão e a conduzi melada para se sentar na sala sem se cortar.

disse que o filho de dez anos adora a marca de chocolate que viu na porta da minha geladeira. disse que sentiu um mal estar e ao levar a mão na barriga, se curvou, bateu a cabeça e por isso o copo caiu e ela gritou.

olhei para sua testa marcada. nada grave. nada de marcas. busquei um pano molhado e enquanto ouvia seu desabafo cheio de culpa, limpava seu pé direito. argumentei em sua defesa, feito uma religiosa as avessas, seu direito legítimo e independente da função de esposa e mãe. clamava pela sua singularidade e liberdade.

"pela segunda vez quebro meu juramento em não receber mais você na casa. na minha cama. você sempre da trabalho extra". ela riu.

continuou dizendo qualquer coisa que eu já não ouvia quando notei iogurte entre seus seios, no pescoço e braços. dispensei o pano e comecei a lamber sua coxa esquerda e não parei até vê-la toda limpinha. ela parou de bestagens e me chamou de cafajeste. 

quando ela foi embora eu disse, pela terceira vez, para que não voltasse mais. ela mandou um beijo pelo ar e disse "nossos corpos são desobedientes. foi isso que você me ensinou".










.

26.11.12

coração partido






risca fio da navalha
samba em ponta de flecha
zomba no fogo de bala

- . derradeira
espanta esperança
amola precisa
grito de guerra

acaba quebrada
foda-se, filho de puta
afaga trepa a-
deus.



era uma vespa
na manga rachada
ao meio dia
em asfalto pelante

jaz um chafariz 
em carne






Seguidores

visitas não brocham

Arquivo do blog

DEDOS NÃO BROCHAM

A. SAFRA

Minha foto
São Paulo, SP, Brazil
Tá dito no não dito. Contatos: e-mail: dedosnaobrocham @gmail.com twitter: @dedosnaobrocham facebook: Ale Safra

whos.amung.us